Quem sou eu

Minha foto
Brazil
Bem-vindo ao meu lado blogueira! Escreverei de tudo, desde política até insanidades. Logo, descalce os sapatos, se joga na cama e vamos viajar nessa loucura juntos.

quinta-feira, março 8

O bafo quente e o chão fresco

Olá pessoas.
Como estão?

Então, voltei pra postar.
Tava afim de escrever uma poesia, veio uma inspiração linda aqui... Ótimo quando essas coisas acontecem.. E acho que no decorrer do texto vou conseguir construir algo. Precisarei da ajuda de vocês.
Mas, primeiramente:
FELIZ DIA DA MULHER!
Também conhecido como "O dia internacional da mulher proletária", que teve uma história forte e que todos deveriam saber. Mas, como o post não é sobre isso, indico aos interessados este link aqui.

Continuando: nada mais inspirador do que a vida cotidiana. E irritante, também. Como a gente pode ser tão pequeno no meio de tantas coisas dessa vida? O que estou aprendendo é que nós somos muito mais do que imaginamos, podemos sentir coisas muito além do que a caixinha da sociedade mostra. Quando a gente descobre isso pode até ser meio irritante, poxa, do nada você começa a sentir muitas coisas diferentes ao mesmo tempo e não sabe lidar com isso. Claro, qual a primeira reação? Achar que tudo tá errado, e como sempre, tentar consertar com as proprias mãos. Aí é que está a merda. Às vezes, a solução está em aceitar o que somos e o que queremos. Porque sentir só A, se podemos sentir, A, B, A+B... B+A... E por assim vai... 
Vamos parar de nos limitar, de criar barreiras, até mesmo na nossa cabeça. Poxa. Nosso cérebro é um campo tão fértil. Deixem-no trabalhar.

Vixe. Tá perdendo o sentido. Me perdoem gente, eu estou sem prática!!!
Mas sei que vocês estão me ajudando e mandando força. rs

"Um coração a dois
Uma vida em fração
A multiplicação do amor
Na subtração da vida"

Nossa gente, que tosco, parecem aqueles versos de criança da 5a série!  Que aliás, não existe mais. 

"Linhas paralelas
Ângulo reto
Uma bissetriz
Tangentes"

A Matemática não sai da minha cabeça.

"É tipo: uau!
Do jeito: wow!
Meio que: ui!
As vezes: Ai!"

Olha as interjeições aí gente!

Parei. Isso aqui já virou piada. Perceberam que não estou com o mínimo talento para poesia, né? 

Mas a inspiração continua aqui...
E acho que nunca mais vai embora.

Beijo!

Nenhum comentário: